Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 3 de maio de 2018

ELEMENTOS DA NATUREZA

Terra
Apenas eu que sou terra sou o mundo;     
Meu ventre gera a vida no fundo:
Plantas, animais e gente multicolor,
Sementes de amor e dor p´ra desamor…
Apenas eu reciclo a morte em vida!

Sol/Fogo

Sou o sol, o fogo mais fogoso
Sou raios de sorriso amoroso
Sou o olho colorido até o capuz,
Sou a central de luz que reluz;
Dou energia à vida e máquinas,
Clareza, cor e calor às esquinas,
Alegria ao céu, terra, ar e mar,
Arco-iris ao dia e à noite o luar.

Ar
Sou ar num grande balão-mundi,
O sopro de vida em movimento
O gratuito oxigénio ao vento
Estou no céu, na terra, na água…
Sem pólvora, tudo levo e trago
Ponho a dançar, sem estrago
Poeiras, plantas, ondas do mar,
Suporto aviões e aves a voar!

Água

E eu? Soma de gotas de água
Sou mar, rio e terra sem mágoa
Sou líquido nos viventes da era
E nuvem entre o sol e a terra!
Sou chuva ao fogo, chorando sem dor,
Sou gente feliz com saudades por amor,
Vegetais viçosos em águas abundantes
Acenando em campos verdejantes!


HOMEM

Sou alguém, aproveitador consciente,
Armado em “inteligente”
De sol, ar, água ou terra sou carente;
Mas… ah! meu comportamento indecente!
 O mundo sofre!… Oh, mente arrogante!
 A humanidade requer união recorrente
Ser humano com coração benevolente,
Sol, ar, água ou terra, para vida corrente!



Amália Faustino