sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Caminho labiríntico



Caminho labiríntico

Do largo de um cemitério
O céu limpo e transparente
Deixava antever as almas
De vestes brancas e decentes

Espreitavam,  em tom sério,
Como o sol penetrava no império
Onde seus corpos dormidos jaziam
Sem entender como desfaziam.

Num cântico alegre  acenavam
Com  nuvens transparentes
Que deixavam escapar gotas
Percorrendo o sentido de suas rotas.

Caminho  labiríntico e deslizante
E quem não desfolha os erros
Enquanto desce sobre ferros
É difícil subir aos berros a jusante.

O vulcão de solidariedade

O vulcão da solidariedade


O vulcão do Fogo trovejou no Monte Sinai
E Jesus falou por meio dele, chamando a todos,
Não apenas a ouvir o roncar da sua voz,
Mas a escutar a mensagem de Deus e a Lei:


O vulcão, tal como o Poder de Deus, impera
Que ninguém o enfrenta e se o encara, venera,
Resignado na dor, aprofundando em Deus a crença,
Suplicando a absolvição, na réstia da esperança.


Era preciso irromper a barulheira do vulcão
Para correr rios de brasas basálticas no balcão
Onde antes se produzia o manecon famoso
Para despoletar o companheirismo tão vistoso!


A solidariedade cabo-verdiana enraizada na alma
Dispensa qualquer colete de força de vivalma!!!
A subtileza espoliativa assassina a fraternidade
E interrompe o espírito colaborativo em propriedade.


Amália Faustino
11 de Dezembro de 2014

vulcão do fogo (acrostico)



VULCÃO DO FOGO EM 2014 (acróstico)

Vi a encosta dum monte expirando um fumo preto,
Um furo que ninguém deu, rachou e abriu e cuspiu
Lavas incandescentes e gases de todas as castas
Competiam a altitude em acrobacia multicolor,
Astutos trampolins e aterragens bruscas
Onde der e calhar, caiam e corriam em pista feita.

Desta corrida a velocidade diversa as lavas seguiam
O percurso do sofrimento humano e o motor roncava.

Frentes largas, altas, potentes de lavas calculistas,
O caminho que construíam destruía os bens da gente,
Gados, culturas, habitações, escolas, até igrejas,
Ostentando a força sobrenatural com que os abafava.

É o poder de DEUS que se manifesta superior
Mas o mundo e o vulcão Ele governa faz soprar e parar.

2 atitudes importantes se espera dos seres humanos:
0 (zero) ação para obstruir o vulcão ou construir lá algo;
1 profunda crença e esperança em Deus de Poder e AMOR;
4 ou mais atos de solidariedade e ajuda aos afectados.

Amália Faustino
5 Dezembro, 2014